You are here:  / Hobby / Oportunidades Em Casa / Criar Um Blog: Falando Sobre Perfeccionismo

Criar Um Blog: Falando Sobre Perfeccionismo

Está pensando em criar um blog? Então leia esse post até o final pois o que falarei aqui, poderá salvar seu projeto.

Desde o início, quando comecei a estudar sobre marketing digital, ouvia a frase “Antes feito do que perfeito”. Acho até que foi o primeiro dito que aprendi nesse meio.

Para o perfeccionista esse ditado soa como um insulto rsss… mas na prática é o melhor dos conselhos. 💡

Ainda que essa frase não saia da minha cabeça, algumas vezes me pego ignorando-as.

Quero compartilhar esse assunto porque é algo que pode acontecer com qualquer pessoa e não quero que você perca seus sonhos em busca da perfeição.

Os primeiros passos…

criar um blog -perfeccionismo

Antes de qualquer coisa, gostaria que imaginasse uma criança que está aprendendo a andar…

Os primeiros passos são difíceis, muitas vezes curtos e cheios de falhas que fazem a criança cair várias vezes.

É preciso tempo, prática e perseverança até que finalmente ela consiga andar sozinha.

Assim somos nós, quando decidimos fazer qualquer coisa nova. Começamos como essa criança e vamos melhorando com o tempo.

Fuja do perfeccionismo ao criar um blog

Percebo que muitas pessoas ao criar um blog, querem que tudo esteja perfeito desde o primeiro post. Elas querem estudar e estudar antes de começar a aplicar, pois acreditam que não estão preparadas.

Infelizmente, pessoas assim ou param no meio do caminho ou demoram muito tempo para chegar à algum lugar.

Sabemos que para ter sucesso no negócio online, precisamos entregar um conteúdo de qualidade. Contudo, quando começamos, estamos dando nossos primeiros passos e é perfeitamente normal que os posts por exemplo, não fiquem tão bons quanto gostaríamos.

Mas não podemos parar no tempo em busca do perfeito, precisamos avançar, continuar praticando e melhorando a cada dia, a cada post.

Custa tempo, prática e perseverança. Estudar é importante, mas o estudo não é nada sem a prática.

Se quiser esperar para inaugurar o blog só quando tudo estiver perfeito, correrá um grande risco de ficar estagnado. Não faça isso, não deixe o perfeccionismo atrapalhar seu crescimento.

O perfeccionismo quase me pegou…

criar um blog -trabalhar-em-casa-perfeccionismo-perfeccionista

Meu primeiro tema do blog, era bem legal (eu acho, rss) mas ele não tinha opção de resumo.

Os posts apareciam inteiros na página principal e eu achava que isso atrapalharia o leitor de ver o que mais tinha no site. Foi aí que resolvi fazer a primeira mudança.

Escolhi o tema Medicine, achei ele bem legal e muito fácil de usar. Mas no fundo, não achava que combinasse com o nicho desse blog.

Começou então minha longa busca por um tema bacana. Fiz vários testes, mas sempre, por algum motivo, não ficava satisfeita.

Por fim, comecei a perceber que essa busca incansável estava me atrapalhando a produzir conteúdo. Foi quando meu marido me lembrou “antes feito do que perfeito”. Ele disse, “não perca tempo com isso, está legal! Siga em frente”.

Segui em frente. Apesar da insatisfação, parei de ficar procurando a perfeição.

Voltei a escrever e dedicava alguns poucos minutos na procura, até que finalmente encontrei.  😉

Talvez se ele não tivesse falado nada, eu estaria até agora procurando tema e sem post algum no blog.

Minha dica!

Quer criar um blog? Então, comece, mas comece já… deixe a prática trazer a perfeição…

Se você já começou mas está “encalhado” em alguma coisa que não está do jeito que gostaria, lembre-se do meu caso e siga em frente. Caso contrário, correrá um grande risco de nunca dar o próximo passo.

Claro que não estou dizendo para fazer tudo de qualquer jeito. Por favor, não leve a coisa para o lado errado. O que estou dizendo é: dê o melhor de si mas não se prenda à perfeição.

Tenha esses dois ditados em mente e continue caminhando, sempre adiante!

Antes feito do que perfeito.

A prática traz a perfeição.

Esse post pode ser útil para mais alguém, seja legal e compartilhe!Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Comecei a trabalhar fora aos 14 anos. Aos 22, abri uma loja de sucesso em minha cidade. Porém, quatro anos depois, meu nível de estresse superava os lucros. Foi então que resolvi buscar uma alternativa de negócio que pudesse desenvolver em casa ou em qualquer lugar, desde que fosse longe de tudo aquilo. Nesta época descobri um mundo novo a partir da internet. Ganhar dinheiro, estudar, malhar... são algumas das inúmeras oportunidades que encontrei em casa.

LEAVE A REPLY

Your email address will not be published. Required fields are marked ( required )

Show Buttons
Hide Buttons